quarta-feira, 9 de outubro de 2013

NÃO DESPERDICE A SUA VIDA


Compartilhando...

"Todos somos fracos desde o nascimento; a nossa vida é curta e muito agitada. O ser humano é como a flor que se abre e logo murcha; como uma sombra ele passa e desaparece". Jó 14.1-2

Quando observo a luta das pessoas para adquirir bens materiais, correndo desenfreadamente para alcançar o sucesso profissional, muitas vezes, passando por cima de tudo e de todos, sem medir esforços e nem escrúpulos para alcançar seus objetivos e leio o versículo acima, entendo que existe algo muito errado com o homem moderno. Passamos a viver numa espécie de aventura da caça ao tesouro, onde os nossos objetivos são determinados por uma sociedade ambiciosa, que busca, a todo instante, tentar incutir em nossas mentes seus valores distorcidos. 


A consciência de Jó diante de seu sofrimento o fez refletir sobre a sua condição e verificar quão efêmera e frágil é a vida humana. Como uma flor que nasce em meio à primavera dos tempos, assim é a nossa vida, que nasce e morre no tempo marcado pelo Senhor. Portanto, fazer deste curto período de tempo nossa única e grande esperança, nos trará uma frustração muito grande. 

Jesus, na noite da última ceia, tentando confortar seus discípulos em virtude do tempo difícil que teriam pela frente, afirmou que na casa do Pai havia muitas moradas e que Ele iria preparar um lugar para cada um de nós. O fato d'Ele preparar um lugar para nós na casa do Pai, nos traz o entendimento de que este mundo não é o nosso lugar. Por isso, tanto sofrimento, tanto desencontro e uma angústia que nos toma a alma, nos dá a certeza de que existe algo errado conosco e que não estamos no nosso lugar de origem. 

Como um estrangeiro em terra desconhecida, assim somos nós, vagando por este mundo que jaz no maligno. Tentamos encontrar nosso lugar nesta terra, mas, a cada dia, observamos como o apóstolo Paulo: que melhor é estar com Cristo. Jó teve esta mesma sensação. Era melhor morrer do que viver da forma como estava vivendo. A nossa vida é muito curta para desperdiçá-la com objetivos errados e tentando acertar alvos que não são os que compõem o plano de Deus para nós. O nosso objetivo, como afirmou Jesus é: que conheçamos a Deus como o único Deus verdadeiro; e a Jesus Cristo, que Ele enviou ao mundo, como nosso único e suficiente salvador. Pois só assim alcançaremos a vida eterna.


Oração: Senhor Jesus, dá-nos a compreensão de que estamos fazendo a tua vontade para nossa vida. Mostra-nos o teu plano, para que não desperdicemos o nosso tempo de vida realizando algo que não está na tua vontade. É o que oramos em nome de Jesus. Amém!


O Maná do Senhor
Rev. Fred Souto



Jackeline Matos
"Para publicar com voz de louvor, e compartilhar todas as Tuas maravilhas. Salmos 26:7 "